Como Identificar, Tratar, e Prevenir Infecções de Ouvido Em Cães

*Artigo escrito e revisado por um médico veterinário.

Cachorro coçando a orelha, um sintoma da infecção de ouvido em cães ou de doenças como a otite em cachorros.
Créditos: Pixabay

As orelhas dos cães podem vir de todas as formas e tamanhos, mas são únicas em sua anatomia quando comparadas às orelhas humanas. Os cães têm um canal auditivo longo com componentes verticais e horizontais. Isso cria uma forma de J ou L que captura os detritos com mais facilidade, o que, por sua vez, pode causar infecções no ouvido do cão.

Infecções de ouvido em cães são comuns, então não é surpreendente que, em 2018, o Embrace (seguro pet) tenha listado infecções de ouvido em cães como o terceiro lugar na lista das cinco principais condições médicas em cães.

Aqui está um guia para ajudá-lo a reconhecer os sinais de infecções de ouvido em cachorros para que você possa levá-lo para tratamento o mais rápido possível.

O Que Você Vai Aprender:

3 Tipos de Infecção de Ouvido em Cães

Após o canal auditivo, posiciona-se o tímpano, os ouvidos médio e interno profundamente dentro da cabeça. A otite é uma inflamação do ouvido. A otite é dividida em três tipos com base na localização da infecção no ouvido de um cão:

  • Otite externa: inflamação do canal auditivo
  • Otite média: inflamação do ouvido médio
  • Otite interna: inflamação do ouvido interno

A otite externa é a mais comum dessas três infecções porque esta é a parte do ouvido mais exposta a fatores externos. As infecções de ouvido podem ser agudas (de início rápido) ou crônicas e recorrentes. Os cães também podem ter uma infecção em uma ou ambas as orelhas.

Sinais de Infecção de Ouvido em Cães

Uma orelha de cachorro saudável está limpa e seca. É normal que pequenas quantidades de bactérias microscópicas e leveduras vivam no canal auditivo externo, mas quando ocorre um acúmulo de detritos ou o canal auditivo normal e saudável é comprometido, essas bactérias e leveduras podem crescer demais e criar uma infecção.

Os sinais comuns de infecções de ouvido de cachorro incluem:

  • Vermelhidão
  • Odor
  • Coceira
  • Dor
  • Balançando a cabeça
  • Inclinar a cabeça várias vezes ao dia
  • Descarga de material liquido

Ocasionalmente, os cães podem apresentar perda de audição ou problemas de equilíbrio. Raramente, uma infecção no ouvido pode afetar o apetite de um cão se o animal estiver tendo efeitos da infecção em todo o corpo. Isso é visto com mais freqüência com otite média ou interna.

Causas de Infecção de Ouvido em Cães

Muitas coisas podem causar infecções de ouvido em cães. Muitas vezes, um problema subjacente leva à falhas na barreira protetora da orelha e ela não funciona corretamente. Uma vez que o ambiente do ouvido fica úmido ou inflamado, é fácil para bactérias ou leveduras crescerem demais e causar infecção.

Aqui estão algumas causas comuns para a infecção da orelha de um cachorro:

  • Corpos estranhos (grama, picão) que entram no ouvido
  • Ácaros de orelha
  • Umidade excessiva devido ao banho ou natação
  • Alergias a comida
  • Alergias ambientais
  • Problemas endócrinos, como hipotireoidismo
  • Doenças autoimunes, como pênfigo, lúpus ou vasculite
  • Pólipos (crescimentos carnudos dentro do canal auditivo)
  • Certos tipos de câncer
  • Trauma no ouvido

Todos esses problemas podem tornar o canal auditivo suscetível a infecções bacterianas e / ou fúngicas. Quando um cão está com dor, coçando e balançando excessivamente, um hematoma também pode se desenvolver. Isso é visto no pavilhão auricular ou orelha, onde os vasos sanguíneos rompidos vazam sangue que coagula e causa inchaço e dor.

Infecções de Ouvido em Cães são Contagiosas?

Depende da causa, mas a maioria das infecções do ouvido dos cães não é contagiosa. Porém, se a causa forem os ácaros da orelha, esses parasitas são extremamente contagiosos.

Com os ácaros da orelha, todos os animais de estimação da casa devem ser tratados simultaneamente. Os ácaros são relativamente comuns em cachorros e gatinhos e podem não ser notados inicialmente ao adotar um novo animal de estimação. Mas logo depois de trazer seu novo animal de estimação para casa, vários animais estarão se coçando e se balançando.

Raramente, um Staphylococcus aureus resistente à meticilina (MRSA) ou outra infecção contagiosa pode ser encontrada em uma orelha infectada.

Recomenda-se a prática de boa lavagem das mãos ao interagir com um animal de estimação com infecção no ouvido e evitar que outros animais de estimação lambam as orelhas do animal infectado. Uma boa lavagem das mãos também é recomendada após a limpeza ou medicação do ouvido para limitar qualquer absorção tópica (pela pele) do medicamento.

A Infecção de Ouvido Vai Passar Sozinha?

Na maioria das vezes, uma infecção de ouvido não desaparece por conta própria. Todos os tipos de otite requerem um veterinário para avaliar a infecção e o tímpano. Se o tímpano estiver rompido, certos produtos de limpeza e medicamentos podem ser tóxicos para o ouvido médio.

Você Pode Tratar a Infecção de Ouvido em Casa?

A resposta simples é não. As infecções nos ouvidos dos cães requerem tratamento veterinário e medicamentos para restaurar um canal auditivo saudável.

Depois que o veterinário avaliar seu animal de estimação, ele determinará se algum tratamento caseiro adicional é apropriado. Isso pode ser feito se uma pequena quantidade de detritos estiver presente e o tímpano estiver intacto.

É importante lembrar que se houver uma grande quantidade de detritos, um veterinário deve realizar uma limpeza profunda enquanto o animal está sob sedação.

Como Tratar a Infecção de Ouvido em Cães

Seu veterinário provavelmente precisará fazer um teste com o material retirado da orelha ou realizar inspeções do local para escolher o tratamento apropriado. Estes são alguns testes que seu veterinário pode realizar:

  • A citologia usa “tinturas” especiais no esfregaço de detritos para colorir as células bacterianas microscópicas ou fungos. A visualização deles no microscópio pode identificar a causa específica.
  • O teste de cultura/sensibilidade usa um material especial para estimular o crescimento e identificar as bactérias específicas que estão causando a infecção. Ele também testa quais antibióticos serão eficazes na eliminação da infecção.
  • O exame de sangue pode ser necessário para verificar se há doenças endócrinas como uma condição subjacente.
  • Radiografias do crânio, tomografia computadorizada ou ressonância magnética podem ser necessárias para avaliar a extensão da doença grave ou do ouvido interno.

Assim que os detalhes da infecção de ouvido do seu cão forem conhecidos, a terapia provavelmente consistirá em vários elementos que podem incluir terapias tópicas, orais ou cirúrgicas.

Terapias Tópicas

Freqüentemente, pode-se usar um limpador em combinação com uma pomada ou gota para os ouvidos. Este medicamento geralmente precisa penetrar profundamente no canal auditivo. Este medicamento é à base de lanolina de liberação lenta e não requer limpeza diária ou aplicação de gotas.

Tratamento Oral

Dependendo da gravidade da infecção, um antibiótico oral, antifúngico ou um medicamento esteroide pode ser usado para ajudar a curar o ouvido de “dentro para fora”.

Tratamento Cirúrgico

As orelhas com doenças crônicas graves podem não responder mais aos tratamentos médicos. O objetivo da cirurgia para esses casos é abrir o canal ou, às vezes, remover completamente todo o tecido doente.

Como Tratar Infecções de Ouvido Crônicas

As infecções crônicas de ouvido podem ser demoradas e frustrantes para o animal, o dono e até mesmo o veterinário.

Certas raças de cães são conhecidas por apresentarem problemas recorrentes de infecção de ouvido. Isso pode ser em parte devido à genética, formato da orelha ou posição da orelha. Com o tempo, pode-se formar tecido auditivo proliferativo, tornando o tratamento mais difícil.

  • Cocker Spaniels e Springer Spaniels comumente contraem infecções crônicas devido a orelhas longas e flácidas e um grande número de glândulas ceruminosas (glândulas sudoríparas da orelha que produzem cera).
  • Shar-Peis tem pequenos canais auditivos que podem entupir.
  • Labradores e Golden Retrievers são propensos a alergias e sensibilidades subjacentes que levam a infecções de ouvido crônicas ou recorrentes.
  • Schnauzers e Poodles geralmente apresentam excesso de pelos no canal auditivo.

As infecções crônicas do ouvido dos cães requerem um trabalho conjunto com o seu veterinário para serem tratadas de modo efetivo. É importante que o seu veterinário faça testes para escolher o medicamento apropriado. As infecções crônicas podem exigir medicação de forma consistente por 6 a 8 semanas.

Após o tratamento, o teste é necessário novamente para garantir que toda a infecção foi eliminada. Se pararmos de medicar muito cedo ou não tratarmos os problemas subjacentes, é fácil a infecção voltar, às vezes até tornando-se resistente a muitos medicamentos.

Como Prevenir a Infecção de Ouvido em Cães

A higiene regular, a limpeza das orelhas e a manutenção são partes importantes dos cuidados com animais de estimação. A limpeza rotineira das orelhas é especialmente importante se o seu cão nada frequentemente.

A limpeza é melhor realizada com um produto profissional para limpeza de orelhas de cachorro. Normalmente, estes foram formulados especificamente para faixas de pH eficazes para cães e contêm agentes secantes.

Pontos Importantes na Limpeza das Orelhas em Cães

  • Não use álcool ou água oxigenada, pois eles podem matar células auditivas saudáveis.
  • Não coloque cotonetes dentro da orelha do seu cão, pois isso pode romper o tímpano.
  • Não há problema em usar bolas de algodão ou lenços para limpar as curvas da orelha. Apenas tenha cuidado.

Técnica de Limpeza Correta

  • Aplique um limpador líquido no ouvido conforme as instruções.
  • Feche a orelha e massageie a base.
  • Limpe suavemente com um pano ou bolas de algodão.
  • Aplique o medicamento prescrito.

Deixe Aqui O Seu Comentário