Dois Gatos São Adotados, Mas Terceiro Irmão Fica Para Trás, Sozinho No Abrigo

Uma família pretendia adotar dois gatinhos, mas acabou descobrindo que eles ainda tinha um terceiro irmãozinho. Confira abaixo a atitude que a família teve. É emocionante…

A história dos três gatos irmãos

Três gatinhos foram resgatados e transportados para Meow Parlor (na cidade de Nova York), vindo de Kentucky, para que tivessem uma chance melhor na vida.

As irmãs felinas estavam com oito semanas de idade e quase prontas para encontrar seu um lar definitivo. Molly, uma voluntária da equipe de resgate animal, foi quem resgatou os pequenos gatos.

A personalidade de cada gato

O processo de adoção é algo muito complicado, pois é preciso conhecer muito bem a personalidade de cada animal para que você possa oferecer o animal certo ao tutor certo.

Esse processo é algo demorado e complexo, mas com essas três gatas foi algo simples e fácil, pois elas são adoráveis!

“Hattie parecia ser um pouco mais manhosa, fazendo com que suas vontades fossem atendidas imediatamente através do seu miado manhoso”, disse Molly.

“Quando chegamos ao meu apartamento e eu abri o carrinho, todos os três gatinhos (Hattie, Ginny e Lucy) pularam e começaram a explorar e brincar sem parar por horas.”

Os gatinhos não eram nada tímidos, exigindo então, tutores responsáveis e que pudessem dar atenção desde o início. Eles correram ao redor da casa e comeram o quanto puderam!

“Eles pularam as várias camas de gato que eu tinha preparado para eles e pularam direto na minha cama. Todos eles dormiram lá todas as noites de sua estadia”, disse Molly.

três gatos de raça em uma cama

As adoções foram muito lentas durante o verão, então Molly não tinha certeza de quão difícil seria encontrar um lar para os três gatos.

“Eu estava especialmente preocupada com o fato de que havia três deles, então eles provavelmente precisariam encontrar uma casa como um casal e outra casa que já tinha um gatinho ou gato procurando por um amigo,” disse Molly.

A adoção das gatinhas

A esperança de Molly era que os três gatos fossem adotados por apenas uma família, mas a sua experiência dizia que isso seria muito raro de acontecer.

Porém, poucos dias depois, ela teve uma grande surpresa quando uma família apareceu no abrigo para gatos e disse que estava interessada em adotar alguns gatinhos.

Ela logo pensou que a famílias adotaria os três gatinhos, mas não falou nada, pois ela não pode interferir no que a família deseja.

O casal disse então que gostaria de adotar dois gatinhos. Molly então levou os dois para conhecer os gatos. Foi então que a surpresa aconteceu:

“O casal deu de cara com os três gatinhos todos juntinhos e me perguntou se os três eram irmãos.”

“Eu tentei não ter esperanças porque muitas coisas podem acontecer durante o processo de adoção, mas eles sem pestanejar disseram que se são irmãos, os três vão viver juntos e que não aceitariam um não como resposta”, Molly disse.

dois gatos cinzas e um amarelo

O novo lar das três gatas

As três gatinhas conseguiram o impossível: foram adotadas pela mesma família!

As três agora vivem em uma casa grande com muitos brinquedos para gatos, caminhas e muitos mimos!

Molly é a heroína da história e salvou a vida dessas três gatinhas!