Rubble, O Gato Mais Velho Do Mundo Morre Aos 31 Anos

O gato mais velho do mundo morreu aos 31 anos. Rubble, o impressionante Maine Coon, foi dado à sua dona, Michele Heritage, como presente de aniversário de 20 anos, e estava com ela desde então.

Michele, 52, prestou homenagem ao seu amado companheiro, que se tornou o gato mais antigo conhecido no mundo após completar 31 anos. Isso dá quase 150 anos usando uma média para a idade humana!

O gato idoso era saudável, sem problemas de saúde conhecidos. O doce gato faleceu de velhice depois de ficar muito fraquinho.

Michele, de Exeter, disse que o moggy morreu antes de completar 32 anos.

Michele atribui a incrível longevidade de Rubble ao fato de nunca ter tido filhos, então ela o idolatrava como se ele fosse uma criança.

“Ele completaria 32 anos esse ano. Ele foi um companheiro incrível com quem tive o prazer de conviver por tanto tempo”, disse Michele.

“Eu o ganhei pouco antes do meu aniversário de 20 anos, quando ele era um gatinho.”

Rubble conseguiu bater o recorde mais antigo de gatos vivos, anteriormente detido por um siamês texano chamado Scooter, que tinha 30 anos antes de falecer em 2016.

“Ele envelheceu muito rápido, eu disse ao meu marido que sentia que ele não viveria mais muito tempo.”

“Ele ficou muito magro. Fui trabalhar como de costume e quando cheguei em casa meu marido disse que Rubble tinha dado a sua última volta pela rua.”

“Ele era um gato de hábitos, tinha seus lugares favoritos para dormir e gostava de sua comida, então quando isso parou de acontecer, nós sabíamos que estava perto do dia.”

“Michele se lembra do momento em que conheceu Rubble em seu 20º aniversário, dizendo: “Ele fazia parte de uma ninhada da gatinha que a minha amiga tinha.”

“Eu estava morando sozinha, então peguei ele como meu gatinho. Foi em maio de 1988.”

CURIOSIDADE:
Michele também teve outro animal de estimação que viveu muito tempo. Foi a MEG, uma gatinha que viveu incríveis 25 anos.

Acho que ficou claro que o segredo da vida longa dele é cuidar deles com muito zelo 🙂